Dicas para comprar bem o estoque e satisfazer clientes

Se você está iniciando seu negócio no varejo, ou se já atua no mercado há algum tempo, nossas dicas para comprar bem o estoque impactarão positiva e diretamente na satisfação dos seus clientes e nas vendas da sua loja.

Mas antes de mostrarmos o passo a passo para comprar bem o estoque, é importante você entender alguns conceitos que tem tudo a ver com o bom gerenciamento do mix de produtos da sua loja. Então, veja:

1. Ruptura de estoque

Já se deparou com aquela situação de um cliente ter entrado em sua loja querendo comprar um produto que viu na internet ou até mesmo na vitrine de sua loja em algum momento, e você dá aquela resposta frustrante: “Tinha, mas acabou”.

Pois bem, isso foi uma ruptura de estoque! Provavelmente, o produto acabou na prateleira e não havia mais nenhum item em estoque, e por isso não foi reposto na gôndola. Isso muito provavelmente aconteceu por um erro de cálculo na hora de compra do estoque.

2. Sell in e sell out

A melhor forma de explicar esses conceitos é defini-los separadamente.

O sell in é a venda realizada pelo fornecedor ao lojista, que, por sua vez, disponibilizará os itens aos consumidores finais.

Devido a essa característica, o comprador (lojista) precisa compreender todas as peculiaridades da operação. Ou seja, o preço, manuseio, embalagem e benefícios que o produto trará para o ponto de venda.

Já o sell out é a venda feita diretamente ao cliente final, que é quem vai consumir os produtos.

Nesse caso é preciso fazer uma boa exposição e uma oferta adequada, que permita ao consumidor entender quais são as vantagens que determinado item trará após seu consumo.

Então, agora que você relembrou esses conceitos, vamos partir para o assunto principal:

3. Dicas para comprar bem o estoque

Aposte naqueles produtos que tenham significado para o seu público e que tenham um fornecedor de confiança.

Uma dica é comprar mix de produtos completos, com mais de 1 item por produto, garantindo um estoque recheado, pronto para substituir o produto vendido na gôndola.

Baixe o nosso Infográfico: Ruptura x estoque recheado e veja como fazer.

Fique atento também que por conta do aumento da movimentação em datas sazonais, o estoque naturalmente deverá ser maior. Portanto, planeje a logística da compra para os pedidos chegarem a tempo. Por fim, faça o check list e confira a mercadoria recebida.

4. Planeje a reposição de estoque

O objetivo, aqui, é planejar a reposição do estoque baseando-se no sell out, ou seja, no consumidor final.

Isso significa que se deve armazenar somente a quantidade adequada de produtos para garantir o aprimoramento da eficiência operacional, a redução de custos e a implantação de promoções para a liberação do espaço.

Com  a nossa planilha de controle de estoque vai ficar mais fácil fazer a gestão do seu estoque. Então, baixe grátis clicando aqui.

Material extra

Separamos um infográfico sobre a ruptura de estoque exclusivo para lojistas:

Infográfico motivos para evitar a ruptura de estoque - Blog Boas Vendas da Uatt?