10 Dicas para ter um Controle de Estoque em uma Loja de Roupas

Se você já está há algum tempo no mercado, sabe como é difícil o controle de estoque em uma loja de roupas, não é mesmo? Então, vem com a gente que vamos te ajudar neste assunto.

Como já publicamos aqui, ter uma loja de roupas é um ramo do varejo que requer do empresário muita dedicação, coragem, criatividade e organização. Sem um bom equilíbrio de todas essas demandas, problemas surgirão, podendo ocasionar uma grave crise em sua loja. Aliás, é comum perceber varejistas de confecções reclamando sobre baixo giro de peças e baixa assertividade na hora da venda. Então, se você se encaixa em uma dessas reclamações, digo para você o seguinte: seu problema pode estar diretamente ligado a falta de controle de estoque em sua Loja de Roupas.

Ter controle de estoque efetivo é fundamental para ter um negócio saudável. É a partir das informações retiradas que você consegue ter maior assertividade nos investimentos feitos. Ou seja, fazer previsões de gastos, estimar a demanda e saber exatamente quais ações de produtos específicos devem ser acionadas.

E pensando nos empresários que têm dificuldades com o controle de estoque em uma loja de roupas que listamos:

10 Dicas para ter um Controle de Estoque em uma Loja de Roupas

Não importa a dimensão do seu negócio, as dicas podem ser aplicadas e adaptadas para cada caso. O nosso principal objetivo é que você tenha um controle de estoque da sua loja de roupas e consiga aumentar seu lucro no fim do mês.

1 – Cadastre todos os produtos que entrarem para seu estoque:

Dicas para ter um Controle de Estoque em uma Loja de Roupas

Bom, esse é o passo básico para ter o estoque nas mãos. Registre todas as peças e itens de presentes que entrarem para seu estoque. Anote a data de aquisição, o valor de compra e o valor de venda, relacione um código ao produto (assim facilita na hora de procurá-lo) e faça uma breve descrição do produto junto. Crie status aos produtos do estoque. Por exemplo: disponível em loja, disponível em estoque, mas fora de circulação, em pouca quantidade, em falta. Não importa o método de registro que você utiliza, o importante é ter controle sobre todos os produtos que estão em sua loja e estoque.

2 –  Atualize os status dos produtos

Do mesmo modo que você anotou a entrada das roupas na sua loja, dê baixa dos produtos no momento da venda. Essas informações contribuem em dois pontos na sua loja. O primeiro, é na satisfação de seu cliente, você não prometerá a ele peças ou tamanhos que não existem em seu estoque. O segundo, é compreender que produtos valeram o investimento inicial e que merecem a sua atenção no próximo mês.

3 – Adote a rotina de verificações no estoque

Cometer erros é comum, ainda mais quando se trata de cuidar de dezenas de produtos. Então, lembre-se que a organização e o controle de estoque são as chaves. Crie verificações de rotina, cheque a quantidade registrada, os códigos, descrições de produtos, status atualizado e valores de venda. Quanto mais informações você tiver sobre o seu negócio, melhor para a saúde dele.

4 – Trabalhe com registro de código de barras

Dicas para ter um Controle de Estoque em uma Loja de Roupas

Caso seu registro seja feito manualmente, você sabe o trabalho que é anotar os produtos, criar descrições, códigos e etc…Além do risco de erro ser maior. Por isso, recomendamos o uso de código de barras para que o Controle de Estoque em uma Loja de Roupas seja efetivo. Informatizando o processo, a otimização do tempo dos seus colaboradores é notável. Além do rigor e da riqueza de informações que você poderá salvar. Através do código de barras você tem acesso a informações de fornecedores, local de origem e descrição detalhada do produto.

O site Pequenas Empresas e Grandes Negócios fez uma publicação sobre Como trabalhar utilizando códigos de barras.

5 – Faça compras programadas

A organização do seu estoque começa a partir do momento em que novos lançamentos são compradas para a sua loja. Então, você pode desenvolver uma agenda com as datas que as novas roupas chegarão. Deste modo, a organização do espaço e o trabalho de equipe pode ser mais produtivo. Outra dica é criar lembretes perto das datas da chegada das novas peças. Assim, você pode checar o status dos produtos e assim planejar quais ações de vendas você irá promover em sua loja para divulgar os produtos.

6 – Separe algumas minutos do dia para organizar seu estoque

As vezes é necessário parar as máquinas para produzir mais. Ou seja, às vezes é necessário atrasar a abertura da loja  ou fechá-la um pouco mais tarde para organizar o estoque. O controle só se torna efetivo quando todos os produtos estão em seus devidos lugares e armazenados da forma correta. Pode apostar que a eficiência na hora da reposição e de encontrar uma peça específica para o cliente será maior. Ah, e assim sua equipe também fica informada sobre o estoque.

7 – Organize produtos encalhados ou fora de linha

Dicas para ter um Controle de Estoque em uma Loja de Roupas

Depois de organizar as roupas você terá a mínima noção dos produtos que estão encalhados ou fora de linha. Portanto, conte-os e organize-os de modo que você possa criar ações de vendas para eles, a fim de aumentar o ticket médio da sua loja e abrir espaço para produtos que tenham mais aceitação dos clientes, inclusive novos lançamentos.

Aproveite para conferir nossas dicas de: O que fazer com os produtos que não giram em um a Loja de Roupas.

8 – Integre as informações do estoque com as informações de vendas

O controle de estoque em uma loja de roupas resulta em um leque de possibilidades de vendas e informações para seu negócio, por isso, integre as informações obtidas. Exemplo, na sua loja de roupas existe um locutor que anuncia as promoções da loja. Com as informações de estoque integradas você pode realizar campanhas de vendas muito mais rapidamente e focar naqueles produtos que estão em poucas unidades ou quase saindo de linha.

Outro ganho com a integração dos dados do estoque é saber em tempo real quais produtos fizeram jus ao seu investimento e aqueles que estão próximos a reposição.

Aproveite para baixar gratuitamente nossa Planilha de Controle de Estoque com Curva ABC.

9 –Desenvolva processos para o seu Controle de Estoque

Você pode criar um processo para manter seu estoque sempre em dia, utilizando as dicas já citadas nesse post.  Por exemplo, faça um esquema com a chegada das roupas para a sua loja. Distribua as chegadas durante a semana, com tempo de organização e de imediato leve os produtos para o cadastro de códigos e , logo em seguida, separe as roupas para descrição de produtos caso você tenha uma loja virtual. Também elabore um processo de saída de produto para que as informações de vendas sejam atualizadas nos arquivos do estoque.

10 – Tenha uma quantidade mínima e máxima

Essa dica é para quem já tem um estoque bem estruturado e com uma quantidade razoável de roupas. Utilizando esse método você consegue controlar o momento certo de comprar novas peças e a quantidade máxima que você precisa para o mês.

Quantidade mínima: É uma quantidade mínima de peças reservadas para casos de demanda extrema, por exemplo no Dia das Mães. Quando os produtos chegarem na margem mínima, você começa a vender essa reserva, enquanto as novas roupas estão em trânsito.

Quantidade máxima: Quanto de produtos é necessário ter em seu estoque levando em consideração o espaço físico, o custo de armazenamento, investimento e giro mensal.

Enfim, muitos problemas de gestão e controle de estoque em uma loja de roupas podem ser sanados seguindo as dicas acima. E lembre-se, o sucesso é o resultado da soma de trabalho e criatividade. 😉